19 setembro 2014

Os Perigos da Automedicação

Oi Gente!!

Como alguns de vocês já sabem, sou farmacêutica e exerço minha profissão em uma drogaria de uma grande rede de Hipermercados. No meu dia-a-dia venho observando uma prática muito perigosa entre a população e  hoje estou aqui para alertar um pouco a vocês sobre os perigos da automedicação.




Quem nunca pediu indicação para uma amiga, mãe ou conhecido sobre qualquer tipo de medicamento?? Ou tomou um medicamento por conta própria quando estava com febre ou dor de cabeça?

A automedicação é um dos exemplos de uso indevido de remédios, considerado um problema de saúde pública no Brasil e no mundo. O uso de medicamentos de forma incorreta pode ocasionar o agravamento de uma doença, uma vez que a utilização inadequada pode esconder alguns sintomas.

Uma outra preocupação refere-se à combinação inadequada de medicamentos, ou seja, tomar dois tipos de medicamento ao mesmo tempo. Neste caso, o uso de um medicamento pode anular ou potencializar o efeito do outro (como alguns antibióticos que tomados ao mesmo tempo que anticoncepcionais pode fazer com que os anticoncepcionais percam seu efeito).

O uso de remédios de maneira incorreta ou irracional pode trazer, ainda, consequências como: reações alérgicas, dependência e até a morte.

A orientação do Ministério da Saúde é que sempre se procure um médico ao desconfiar sobre qualquer problema de saúde. Evite recomendações de vizinhos, amigos, parentes ou mesmo de balconistas de farmácias ou drogarias.
 
Em todas consultas, informe ao médico se você já utiliza algum medicamento, se faz uso freqüente de bebidas alcoólicas e se é fumante.
 
Já na hora de adquirir medicamentos de venda livre, os sem tarja - considerados de baixo risco para tratar males menores e recorrentes, como dor de cabeça - procure orientações do farmacêutico.

Muitas pessoas adquiriram o péssimo costume de pesquisar sobre tratamentos medicamentosos no Google e decidem segui-los por conta própria. Muito cuidado pessoal! O Google não é médico e tão pouco sabe realmente o que você está sentindo e como está passando.



A saúde é um bem muito precioso para cuidarmos dela assim!

Quer saber mais sobre este assunto? A ANVISA possui uma cartilha que fala mais sobre este tema.

Vamos nos cuidar moçada!

Beijinhos!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Paginação numerada



Subir